Aviso

© Copyright

Brasão do SIS

No actual ambiente fortemente competitivo à escala mundial, a sobrevivência das empresas está cada vez mais relacionada com o acesso ao conhecimento. Inovações tecnológicas, informações sobre novos mercados e sobre concorrentes locais ou mundiais são elementos imprescindíveis para a competitividade das organizações.

No cumprimento das suas obrigações de defesa do bem-estar das populações, os Estados vêem-se envolvidos neste ambiente concorrencial, assumindo, de forma crescente, a sua intervenção na salvaguarda dos interesses económicos nacionais.

A segurança económica é actualmente um dos pilares da segurança dos Estados modernos e desenvolvidos.

Constitui uma ameaça para os interesses económicos nacionais o facto de Estados e de empresas estrangeiras estarem empenhadas na obtenção de conhecimentos com recurso a métodos ilícitos no nosso país.
Para procurar dar resposta a esta ameaça, o Serviço de Informações de Segurança (SIS) criou o Programa de Segurança Económica (PSE). No âmbito deste Programa, desenvolveu-se um conjunto de medidas preventivas de sensibilização, de alerta e de apoio à tomada de decisão das organizações e formou-se uma equipa preparada para as apoiar de forma permanente.

Considero importante que as pessoas que trabalham nos sectores público e privado estejam conscientes dos riscos e das ameaças a que estão sujeitas e que estejam melhor preparadas para os enfrentar.
É, pois, meu desejo que o Programa de Segurança Económica contribua para fortalecer os laços entre o SIS e a sociedade civil e para prevenir e diminuir os riscos decorrentes das actividades contrárias aos Interesses Nacionais.

 


Director do SIS